09abr/20

Como tornar-se um Desenvolvedor Web – um pouco da minha história

Não há receita mágica para tornar-se um Desenvolvedor Web. Primeiro você precisa ter um objetivo no que quer se tornar. Por onde começar? O caminho é árduo, mas o esforço trará a recompensa.

Vou contar um pouco da minha história e isso pode ajudá-lo a entender, que há um longo caminho a percorrer até chegar no seu objetivo.

Quando eu tinha uns 17 anos (2001), ainda cursando o 2º ano do Ensino Médio, alguém um dia me falou sobre uma profissão no mercado chamada “Web Design”, eu não tinha noção de como do que era, já que meu contato com computador era muito pouco ainda, tendo em vista de vir de uma família pobre, que não tinha condições de ter um na época, porque era muito caro. O meu contato com computador havia sido há pouco tempo, porém não com internet, já que na época os acessos eram mais com conexões discadas.

Esta pessoa me falou que, se houvessem 50 pessoas com este conhecimento de desenvolvedor de sites, seriam contratadas com bons salários, na época o salário no Brasil era de R$ 175,00 reais, e eles ganhariam em torno de R$ 500,00. Quase 3 salários. Seria uma mudança de vida para mim, já que trabalhava em um mercado, e ganhando em torno de R$ 200,00 por mês.

Em 2002 inscrevi-me no meu primeiro curso voltado a esta área, era meio que um Design Gráfico, com várias ferramentas: Frontpage (vinha no pacote office, para desenvolver sites), Photoshop, Corel Draw, Page Maker, Delphi (meu primeiro contato com programação), entre outros.

Ali estas ferramentas me fascinaram com este universo. Então isso me fez em 2003 cursar a graduação de Sistemas de Informação. No primeiro semestre fui trabalhar numa empresa como office boy, lá tinha computadores conectados à internet e eu tinha muito tempo livre. Era tudo que precisava para começar a estudar e dedicar-me ao desenvolvimento web.

Eu comprava CD-ROM para pegar scripts prontos e aplicativos utilitários de geração de menus, ícones, banners, entre outros elementos, já que na época não tínhamos Youtube (criado em 2005).

Então comecei a pesquisar na época sobre conhecimentos de criação de sites, e encontrou o site do Maujor, conhecido hoje como o dinossauro das CSS. Tive o prazer de conhecê-lo em 2010, num dos eventos realizados pela Arteccom – agência web.

Em menos de um mês eu já sabia desenvolver sites, na época era comum fazer sites dentro de tabelas HTML e com CSS. Fiz o meu primeiro site e hospedei na Kit.net (serviço de hospedagem gratuita da Globo, que dava 2 Megas de espaço, na época, espaço em disco era muito caro). O primeiro site que fiz foi para as literaturas de cordel que eu criava e nome chamou-se: socordel.kit.net.

Alguém um dia, veio realizar um trabalho na mesma empresa e achou muito bom o meu site e perguntou se poderia fazer um site para a empresa em que ele trabalhava. Eu falei que sim. Na época, meu trabalho como office boy era de R$ 300,00 e o salário mínimo já custava R$ 275,00.

Em uma semana eu consegui este cliente, foi um desafio, mas consegui ter este primeiro trabalho que faturei R$ 400,00. Daí foi simples, fiz a conta. Se eu passo 30 dias para ganhar R$ 300,00 e posso desenvolver sites em uma semana e vender por R$ 400,00. Isso é o que eu quero para mim, pensei assim.

Foi aí que dediquei-me, cada dia mais a este projeto de vida. E aqui estou, há mais de 17 anos como desenvolvedor.